visita guiada às instalações da PIDE no Porto

Núcleo do Porto
Sábado 16 de Abril de 2011

Ex-presos políticos animaram visita guiada aos espaços onde foram encarcerados, humilhados e torturados.

Integrada nas comemorações do trigésimo sétimo aniversário do 25 de Abril, a visita guiada às instalações da PIDE no Porto contou com cerca de meia centena participantes. A sessão iniciou-se no Largo Soares dos Reis, no exterior do edifício que foi sede da Polícia política, hoje Museu Militar do Porto, tendo sido feitas reportagens pelo Jornal de Notícias, pela TVI e pelo Etc e Tal.

Nesse lugar de memória da resistência ao fascismo, pela voz dos próprios protagonistas das lutas políticas contra a opressão, foi recordada a violência da repressão da PIDE/DGS sobre cidadãos opositores ao regime. Comemorando 40 anos passados, foram entregues a ex-arguidos cópias do processo elaborado pelo Tribunal Plenário do Porto na sequência das prisões efectuadas na manifestação do 1º de Maio de 1971 – António Neves, Joaquim Carvalhal e Jorge Carvalho, o último preso político a ser libertado desta sinistra casa, a 26 de Abril de 1974.

Contributos vários enriqueceram esta manifestação de cidadania. Vindos do Barreiro, da Covilhã e de Guimarães, diversos protagonistas das lutas políticas apresentaram os seus depoimentos: Álvaro Monteiro, António Neves, Eduardo Ribeiro, J. Machado de Castro, José Paiva, entre outros.

Já no interior do edifício, que, ao longo dos últimos 30 anos, tem sofrido alterações que apagam a memória dos factos, foram visitados os espaços de encarceramento e de interrogatório, e foram descritas as várias formas de humilhação e tortura dos presos bem como as peripécias das fugas bem sucedidas.

0 Responses to “visita guiada às instalações da PIDE no Porto”


Comments are currently closed.



Associação Movimento Cívico Não Apaguem a Memória! | Rua do Sol ao Rato, 37, 3 D | 1250-261 Lisboa |