Notícias do Norte

No decorrer do ano lectivo de 2011/2012, o núcleo do Porto do NAM desenvolveu actividades centradas na populaçãoinfanto-juvenil, tendo proposto a algumas escolas públicas a participação num projecto pedagógico que visou desenvolver atitudes e valores favoráveis à aceitação da ideia de paz como factor de desenvolvimento das sociedades.

O projecto pedagógico atingiu públicos diversos (Ensino Especial, Ensino Básico e Ensino Secundário) e articulou escolas do Porto (EB 2/3 Maria Lamas, EB 2/3 Manuel Oliveira e Secundária Artística Árvore) e de Matosinhos (Agrupamento de Escolas da Lavra).

A principal finalidade dessa proposta foi o desenvolvimento de um sistema de valores integrando as ideias de liberdade, na sua dimensão individual e colectiva, de solidariedade entre indivíduos e grupos e de cooperação entre povos e nações. Numa perspectiva de valorização do carácter experiencial da aprendizagem, foram levadas a efeito actividades escolares tendentes a contribuir para aquisições de vário tipo (o saber, o saber fazer, o saber ser e o saber viver com os outros, ou seja, os quatro pilares da educação recomendados pela UNESCO).

Foi por nós sugerido que as aquisições pudessem ser estimuladas através do visionamento de materiais áudio-visuais, de debates em torno de imagens fotográficas, de jogos interactivos, de leituras colectivas de textos seleccionados, de observação de criações gráficas ou plásticas e que a concretização do projecto passasse por fases de gradual incorporação dos conceitos básicos: liberdade, solidariedade, cooperação, paz social, paz entre os povos, respeito pelos direitos humanos, respeito pelo ambiente…

Uma vez motivados, os alunos criaram as suas próprias composições em suporte têxtil, visando a produção de uma grande “MANTA DA PAZ” para integrar o desfile cívico de 25 de Abril no Porto, desde a antiga sede da PIDE até à Praça da Liberdade.

Para a elaboração dessa obra colectiva, constituída por retalhos elaborados por grupos de alunos a partir de fragmentos de tecido de forma quadrangular que fornecemos às escolas, contámos com o empenhamento de educadores/as e professores/as cujo plano de acção educativa continha objectivos de carácter humanista e que viram com bons olhos a oportunidade de expor os trabalhos escolares realizados pelos seus alunos no actual Museu do Porto, local de memória da resistência ao fascismo, pois se encontra instalado no edifício da Rua do Heroísmo onde funcionou, desde os anos 30 do século passado, a sede da delegação do Porto da PVDE/PIDE/DGS.

Além da produção de objectos carregados de sentido, as “Mantas da Paz”, e da sua utilização em eventos nas próprias escolas, conforme os diversos estilos de trabalho pedagógico, foram realizadas visitas de estudo à sede da ex-PIDE, animadas por ex-presos políticos e por membros do núcleo local do NAM, actividades que muito contribuíram para o desenvolvimento de competências sociais dos jovens que nelas participaram.

A 25 de Abril, comemorando a Revolução, algumas das Mantas da Paz marcaram presença na cerimónia e no desfile cívico. Entre 24 de Maio e 6 de Junho, no Museu Militar do Porto, esteve patente ao público a exposição de todos os trabalhos escolares realizados no âmbito do projecto pedagógico.

A 31 de Maio, foi organizada uma visita especial às instalações da PIDE do Porto para vinte alunos do 11º ano da Escola Profissional Artística Árvore, tendo como guias José Castro e Jorge Carvalho, cuja experiência de encarceramento no próprio edifício lhes confere uma autoridade inquestionável para relatar as humilhações de que foram vítimas os opositores ao regime fascista português e para explicar as realidades passadas nos terríveis tempos anteriores à revolução dos Cravos.

Pelo Núcleo do NAM do Porto
Maria Rodrigues

0 Responses to “Notícias do Norte”


Comments are currently closed.



Associação Movimento Cívico Não Apaguem a Memória! | Rua do Sol ao Rato, 37, 3 D | 1250-261 Lisboa |