Processo Eleitoral, Biénio 2017-2019

O processo eleitoral decorreu conforme Convocatória anterior.

Mário Carvalho, presidente da Assembleia Geral procedeu à abertura da sessão tendo constituído a Mesa conjuntamente com Maria Helena Martins Pato e, em substituição de Irene Pimentel ausente por motivos justificados, com Vasco Brosque Graça.

De acordo com a convocatória da Assembleia e em conformidade com os Estatutos do NAM estava a votação uma única lista a que tinha sido atribuída a letra A e que se fez representar por Maria Gabriela Vieira da Silva.

Procedeu-se à verificação dos votos por correspondência.
Foram analisados treze votos tendo um destes sido anulado por não estar devidamente identificado pelo que foram considerados válidos 12 votos os quais foram introduzidos na urna dentro dos respetivos envelopes brancos fechados.

Até às 19,00h esteve aberta a urna para votação presencial dos associados.

Findo este período foram contados os votos depositados na urna tendo-se apurado os seguintes resultados
Votos válidos por correspondência: 12.
Voto por correspondência anulado: 1
Votos presenciais:18 Total de votos: 30 Votos brancos: 1 Votos nulos: 0
Votos a favor da lista A: 29

Consequentemente passou-se à tomada de posse dos titulares dos Corpos Sociais eleitos.

Lisboa, 20 de maio de 2017

Pela Direção eleita
Maria Gabriela Vieira da Silva

Comunicado ‘Processo Eleitoral, Biénio 2017-2019’ (doc. em formato PDF).

0 Responses to “Processo Eleitoral, Biénio 2017-2019”


Comments are currently closed.



Associação Movimento Cívico Não Apaguem a Memória! | Rua do Sol ao Rato, 37, 3 D | 1250-261 Lisboa |